domingo, 13 de novembro de 2011

Manuscritos do Mar Morto que confirmam Jesus como o Messias aguardado, agora disponíveis online

Especialista digital mostra diferenças nas fotos de fragmentos do Manuscrito do Mar Morto

Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs




Desde o 26 de setembro, já podem ser consultados os primeiros manuscritos do Mar Morto digitalizados, informou o jornal de Paris "Le Monde".

Por sua vez, a editora de Paris Editions du Cerf empreendeu há poucos anos a publicação da totalidade dos 900 manuscritos do Mar Morto, ou Qumran, transcritos para o francês.

O primeiro volume da “Biblioteca de Qumran” já apareceu, informou o diário suíço “Le Temps”.

Por sua parte, o Conselho de Antiguidades de Israel, custódio dos precisos documentos já tinha anunciado em agosto de 2008 o projeto de disponibilizar para download na internet as fotografias digitalizadas destes valiosíssimos Manuscritos.